EU JURO, by Tânia Machado

MEGA DA VIRADA…

31 de dezembro de 2009
1 Comentário

Faltam 6 horas e meia para que eu fique milionária…
São 13:30 e a mega da virada corre as 20:00 horas…
Se eu não der noticias nos próximos dias, não se preocupem, so estou contando meus milhões. Quando terminar volto a escrever no meu Blog, ok?
Um feliz 2010 e que além deu ganhar a mega da Virada, ganhemos a Copa do Mundo – em cima da Argentina, que o Aecio resolva voltar atras e se candidate a Presidente da Republica, que o Anastasia se eleja Governador, que eu consiga resolver os problemas financeiros do Banco do Povo (isto eu vou resolver com uma doação de um percentual do meu prêmio da Mega da Virada, rsrsrs), e que pare de chover, pois ninguém aguenta mais!
Feliz 2010.


FIM DE ANO

31 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Como todo fm de ano a gente resolve fazer uma faxina…
Desta vez fiz no Centro cape e na minha sala…
Meu Deus, como a gente guarda um monte de coisas que não servem pra nada, mas a gente insiste em colocar nos armário para usar nem sabe quando e se…
Queria ser como uma amiga minha. ela tinha mania de juntar coisas. Um dia ela mudou de apartamento e segundo ela, levou somente 4 pratos, 4 xicaras, 4 conjunto de garfos, 4 copos e assim por diante. Era so ela, marido e dois filhos.
Diz ela que sobrevive muito bem com isto…
Agora, so de papel velho que nao tinha mais nenhuma utilidade, joguei 30 caixas de papelão fora…
Os disketes (mais de 1.000) não tive coragem…encaxotei e mandei para o arquivo morto…sei que não vou usar, mas tenho certeza de que se jogar fora, amanhã lá terá um arquivo que eu precisava…
Os disketes (nem sei como se chamam) – aqueles grandes de acetato, este joguei no lixo…
Sabem quantos lapis e canetas que tenho mania de comprar achei no meu armário? mais de 200… e eu nem faço coleção…
so não arrumei uma estante que fica na minha sala do processo da Força Sindical…Este tem mandinga, pois toda vez que mexo nele a CGU me pede um documento…esta horroroso, mas vai ficar do jeito que esta…


LULA

23 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Segunda feira agora fui a um jantar no Copacabana Palace da Apex onde estava o Lula.
Nunca tinha estado com ele pessoalmente, assim bem de perto. Olha, não sou sua eleitora, mas nunca vi pessoa tão simpática, divertida, solta…parecia que ele estava numa roda de amigos e não num jantar para centenas de pessoas.
Fez questão de ir de mesa em mesa e cumprimentar todo mundo. Mas voce via que não era algo fingido ou politiqueiro…ele realmente se divertia com esta historia. Quando começou a falar, seu palavreado era simples de gente como nós. Brincou inclusive que a maioria das pessoas que estavam alí pagavam ingresso para ir a shows humoristicos e ele quase que diariamente fazia os brasileiros morrer de rir e não cobrava nada por isto. Brincou que como ” a janta” havia atrasado por conta dele ele estava vendo pessoas comendo um monte de pãozinho para matar a fome. Tirou retrato com todo mundo, chamou as pessoas pelo apelido e mesmo quando falou sobre a questão tributária, foi de uma sinceridade enorme, mesmo sabendo que os empresários não iam gostar do que ouviram (ele falou que não ia baixar imposto e somente o poderia fazer se aumentasse o imposto de renda, se os empresários quisessem assim…disse que não conhecia nenhum pais que tivesse impostos baixos e fosse uma potencia. Todas as potencias tinham altas tarifas.
Por outro lado, a simpatia e o desprendimento do presidente evidenciava ainda mais a antipatia e a falta de pratica de lidar com o público da Ministra Dilma. ela gagejava, não conseguia fazer uma fraze completa com coerencia, foi um total caos…


ESPUMA EXPANSIVA

19 de dezembro de 2009
3 Comentários

Há quase um ano namoravamos uma máquina de espuma expansiva para a embalagem de produtos.
As máquinas para fabricar caixas, o Governador Aecio Neves nos deu e já estamos fazendo nossas proprias caixas, mas faltava o miolo para embalar.
Cada produto que seria exportado principalmente, gastava-se de 5 a 10 minutos para ficar pronto. tinha que cortar isopor para forrar a caixa, embalar muito bem o produto em plástico bolha, calçar todos os cantinhos da caixa com papel picado, restos de isopor, enfim uma série de materiais que estavam à mão…
Quando a carga caia na malha fina da Receita Federal (tanto fazia ser aqui ou nos EEUU ou Europa), era a certeza de que os produtos iam chegar danificados no cliente, pois a Receita, ao abrir as caixas não tinha o mesmo cuidado que nós ao reembala-las.
Agora é a GLORIA! A espuma faz uma “molde” do produto, protegido por um plastico filme, e quando a Receita for abrir, além de ficar mais fácil a fiscalização, é só colocar no lugar direitinho que ta tudo uma beleza…
O tempo de embalagem de cada peça passou de 10 minutos para 3 minutos…
Vamos medir agora o custo, pois vamos economizar além de tempo, temos o isopor que não mais será usado, papel picado que será drasticamente reduzido, assim como o plástico bolha.
A espuma não é barata, mas acho que vai compensar considerando tempo, material, e integridade das peças.
Além do mais, a espuma é ecologicamente correta.


Publicado em Artesanato

O BRASIL CHORA…AECIO NÃO É MAIS CANDIDATO A PRESIDENTE

17 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

O Governador Aecio Neves desistiu hoje de continuar candidato a candidato a Presidente.
O Brasil artesanal chora por sua decisão, mas também entende e respeita a sua atitude, que aliás, não poderia ser outra, considerando a forma que o PSDB paulista vinha tratando desta decisão da indicação do nome.
Agora o Serra terá que assumir o que adiou por tanto tempo e o Governador Aecio pela sua idade tem ainda muito tempo à frente para estar na Presidencia do Brasil ocupando a cadeira que deveria ter sido usada pelo seu avô.
O segmento artesanal que ficará prejudicado, pois com certeza, na Presidencia da Republica ele levaria para os 8,5 milhões de brasileiros a mesma dignidade que levou aos 500.000 artesãos mineiros.
Quem ganha muito com isto é meu querido Professor Anastasia que agora terá o melhor cabo eleitoral do mundo, já que como candidato a Senador o Governador Aecio poderá dividir todas as suas glórias e seu palanque com o seu mais fiel servidor que é o nosso vice governador Antonio Anastasia.
Não que ele não o faria, caso fosse candidato a Presidente, mas nesta situação haveriam composições políticas que poderiam prejudicar este apoio individual e irrestrito.
Agora vamos ao que é bom: vamos ter um senador que realmente é mineiro e sempre trabalhou por Minas e vamos ter um governador que será a continuidade do que vem acontecendo em Minas Gerais nos últimos 7 anos.
Artesãos brasileiros! Sinto muito, mas voces vão ter que esperar 2014 para ter aquele que será o melhor Presidente do Brasil dos últimos tempos.


ERAMOS MAIS OU ERAMOS MENOS FELIZES

16 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Sou do tempo que os telefones eram pretos e tinham uma roda que a gente discava. A linha às vezes demorava uns 10 minutos para dar sinal…
Sou do tempo que a foto era preto e branco e fotos coloridas eram as que recebiam retoques do fotografo colocando um rougezinho nas bochechas e toda vez que tirávamos foto numa máquina tinha a maior expectativa para ver se depois de revelada a foto tinha ficado boa ou não.
Já vi televisão em tres cores…rsrsrs. As pessoas colavam um acetato colorido na tela da televisão, assim ficava em tres cores.
Sou do tempo que para ver um filme tinha que me aprontar, sair de casa, ir ao cinema onde comprava pipoca e bala de hortelã.
Sou do tempo que tinha dois bons vestidos, um sapato para festas e o resto era chinelo, sandalia e um batebute para o dia a dia.
Sou do tempo que para ver minhas tias, tios, primos, primas, amigas tinha que ir à casa deles, ou vice versa, e eram horas maravilhosas.
Sou do tempo que pelo menos uma vez por ano minha mãe me dava uma injeção de complexo vitaminico que doia pra burro, e tomava remédio para lumbriga.
Sou do tempo que as máquinas de escrever eram manuais e quando errava tinha que tirar e passar borracha.
Sou do tempo que, quando se queria ficar sozinho era so ficar quietinho dentro de casa e não atender a campainha.
Sou do tempo que a gente se juntava para passar trote por telefone nos outros e ninguém desconfiava quem era.
Hoje, fico ligada 24 horas por dia através do telefone, que agora também tem internet, a foto tirada eu vejo na hora se ta boa ou não, e se não tiver deleto na hora. Texto corrijo quantas vezes quiser, para amigos mando emails, meu armário esta entupido de roupas e sapatos, a televisão é tão boa que parece que os atores dos filmes estão sentados do meu lado…
Sei que hoje tudo é mais fácil, mas acabou um pouco a emoção, o imprevisto, o não saber o amanhã.
Tem hora que duvido se com tantas tecnologias a gente é mais feliz!


STANDS 10%

16 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Todos sabem que na Feira Nacional distribuimos mais de 100 stands para pessoas e projetos que teriam dificuldade de participar. Dentre eles, estão projetos sociais que todo ano ganham stands e tem aqueles (+- uns 100) que por nunca terem participado da feira tem a chance de entrarem no risco, pagando 10% sobre as vendas. Estes entram uma vez e não podem voltar gratuitamente, so comprando stand.
Este ano, quando lançamos a venda para 2010, levamos a listagem dos stands com 10% e anotado o percentual de quanto cada um tinha declarado de venda nos tres primeiros dias da feira.
Tem gente que é cara de pau! Umas cinco ou seis pessoas ficaram na fila para comprar stands de até 9m2 (que custa cerca de R$ 3,000,00) e no pagamento dos 10% tinham declarado ter vendido nos tres dias R$ 30,00, R$ 50,00 ou R$ 100,00.
Quando negamos vender para elas o stand, elas se assustaram e informamos: olha nosso papel é defender o artesão! e para isto temos às vezes de protege-lo de entrar numa enrascada. Esta feira não é para voce e não podemos permitir que voce assuma uma despesa de R$ 3.000,00 quando voce so vendeu isto nos ultimos dias.
Eles ficavam na maior falta de graça pois não podiam questionar os números que eles mesmo haviam apresentado!


Publicado em FEIRA NACIONAL

Prá não passar o dia em branco…

15 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

LÓGICA DA FREIRA

Duas Freiras saíram do convento para vender biscoitos.
Uma é a Irmã Maria e a outra é a Irmã Léia.

Irmã Maria –
Está ficando escuro e nós ainda estamos longe do convento !!!

Irmã Léia : – Você reparou que um homem está nos seguindo há uma meia hora?

Irmã Maria – Sim, o que será que ele quer?

Irmã Léia : – É lógico! Ele quer nos estuprar.

Irmã Maria – Oh, não! Se continuarmos neste ritmo ele vai nos alcançar, no máximo em15 minutos. O que vamos fazer?

Irmã Léia : – A única coisa Lógica a fazer é andarmos mais rápido!!!

Irmã Maria – Não está funcionando.

Irmã Léia : – Claro que não! Ele fez a única coisa lógica a fazer, ele também começou andar mais rápido.

Irmã Maria – E agora, o que devemos fazer? Ele nos alcançará em 1 minuto!

Irmã Léia : – A única coisa lógica que nos resta fazer, é nos separar! Você vai para aquele lado e eu vou pelo outro. Ele não poderá seguir-nos as duas, ao mesmo tempo.

Então, o homem decidiu seguir a Irmã Léia.
A Irmã Maria chegou ao convento, preocupada com o que poderia ter acontecido à Irmã Léia.

Passado um bom tempo, eis que chega a Irmã Léia.

Irmã Maria – Irmã Léia !!! Graças a Deus você chegou! Me conte o que aconteceu!!!

Irmã Léia : – Aconteceu o lógico. O homem não podia seguir-nos as duas, então ele optou por me seguir.

Irmã Maria – Então, o que aconteceu?

Irmã Léia : – O lógico, eu comecei a correr o mais rápido que podia e ele correu o mais rápido que ele podia, também…

Irmã Maria – E então?…

Irmã Léia : – Novamente aconteceu o lógico: ele me alcançou.

Irmã Maria – Oh, meu Deus! O que você fez?

Irmã Léia : – Eu fiz o lógico: levantei meu hábito.
Irmã Maria – Oh, Irmã Léia!!!! E o que o homem fez ?
Irmã Léia : – Ele, também, fez o lógico: abaixou as calças.

Irmã Maria – Oh, não!!!!! O que aconteceu depois?

Irmã Léia : – Não é óbvio, Irmã Maria? Uma freira com o hábito levantado consegue correr muito mais rápido do que um homem com as calças abaixadas !!!!

SE VOCÊ PENSOU EM OUTRO FIM PARA A HISTÓRIA, REZE:

188 AVE-MARIAS E 309 PAI-NOSSOS, SEU PERVERTIDO OU PERVERTIDA!!!

E PEÇA A DEUS PARA LIMPAR SUA MENTE POLUÍDA.

PODE COMEÇAR A REZAR ….


Publicado em CURIOSIDADES

NA HORA QUE VOCE ESTIVER ATOA…

12 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Hoje no Centro Cape não tenho mais secretaria…
Quando tinha não gostava, pois não tenho paciencia de mandar fazer as coisas e ficar esperando…
Tive diversas e cada uma pior do que a outra.
Teve a Rosalia, que era cedida pelo Estado, e lembro uma vez que cheguei na Mãos de Minas e ela chorava copiosamente.
Parei e preocupada perguntei o que tinha acontecido…e ela aos prantos me disse…olha, este livro que estou lendo é triste demais…
Teve uma outra que um dia chegou perto de mim e disse: Dona Tãnia, quando a senhora estiver atoa a senhora me chama? É que eu queria falar um negócio…Falei: tá bom…passou uns quinze dias e lá vem ela de novo: dona Tânia, a senhora não esqueceu de mim, não é? Quando a senhora estiver atoa, nao se esqueça de me chamar…repeti…tá bom…
Passaram uns tres meses e um dia quando chegava ela me interrompeu, dona Tânia, a senhora esta esquecendo de mim!
Falei: não minha querida, é que não sei se voce notou, mas em nenhum momento fico atoa, de forma que nao pude te chamar, mas se voce tiver algum assunto urgente ou mesmo corriqueiro, é so falar…não precisa esperar que fique atoa, pois isto nao vai acontecer nunca!


AFONSO MARIA ROCHA

8 de dezembro de 2009
1 Comentário

Conheci Afonso quando ele era gerente do Sebrae em 1991 na época do Stefan Salej.
Ele sempre foi um bom amigo e so teve uma época, quando ele chegou a Diretor e o Salão de Oportunidades do Sebrae foi tirado do Centro Cape e passou a ser realizado pelo próprio Sebrae. Naquela época tinha um outro Diretor, o Mauricio, que a impressão era que enchia a cabeça do Afonso e Ronaldo contra todos, inclusive contra o Centro Cape.
Depois Afonso saiu do Sebrae e foi para o Senac, de lá foi para a Estrada Real e há 3 anos voltou para o Sebrae Minas como Diretor Superintendente.
Tem nos ajudado muito, dentro de suas possibilidades e das diretrizes do Sebrae. O que mais gosto no Afonso é que se não dá, ele imediatamente fala um NÃO bem falado.
É isto aí, eu sempre preferi um não bem dado do que um sim enrolado.
Posso dizer com certeza de que o Afonso faz parte do rol dos AMIGOS DO ARTESANATO (além de meu amigo, é claro, rsrsrs).


POLITICA

7 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Esta semana, acabei por tirar do ar, a pedido de amigos um post que tinha feito, lamentando um fato que havia ocorrido.
Ai acabei me lembrando de como todas as vezes que me meti em ajudar alguem abertamente na politica como levei ferro.
Na eleição para Governo quando o Helio Costa foi candidato contra Eduardo Azeredo, a Mãos de Minas tinha um jornal trimestral e eu publiquei uma entrevista com Helio Costa. Não tinha nenhum intenção politiqueira, era que queriamos usar o jornal para informar aos associados o que pensavam os dois mais fortes candidatos ao Governo de Minas que eram o Helio Costa e o Eduardo Azeredo.
Mandei as perguntas para a assessoria dos dois candidatos e somente Helio Costa respondeu e foi o que publiquei e enviei para os 5.000 associados na época.
Quando Eduardo Azeredo ganhou a eleição, foram os piores tempos da minha vida.
Eu era funcionária do Estado, colocada a disposição da Mãos de Minas – me demitiram.
Estava começando a discutir a questão do microcrédito com o BDMG e me colocaram para escanteio.
Sofri uma fiscalização da Secretaria da Fazenda que acabou com uma multa de quase R$ 100 mil reais para a Mãos de Minas.
A Feira Nacional aconteceu durante 4 anos e nunca nenhum representante e nem Secretário de Estado apareceu por lá.
Tentei durante quatro anos uma audiência do o Governador e nunca consegui…
A única coisa que consegui foi o Microgeraes – Inscrição Coletiva, mas desconfio que quando incluiram o que eu havia pedido a intenção era enfraquecer a Mãos de Minas, permitindo que centenas de outras associações também pudessem emitir suas Notas Fiscais, criando uma grande evasão de associados.
Belo engano! Primeiro porque nossa missão não é vender artesanato, mas fazer com que o artesão tenha ferramentas para vender artesanato. Segundo, que a Mãos de Minas ficou muito mais forte após a lei do Microgeraes.
Depois daquela época nunca mais me meti abertamente em politica.
Mas agora, se o Governador Aecio Neves for se candidatar a Presidente da República, peço licença do Grupo de Desenvolvimento e vou cair na estrada para levar aos 8,5 milhões de brasileiros a mensagem de como em Minas o artesanato é feliz, respeitado e participante ativo da economia.


A PATA E A GALINHA

7 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Hoje tivemos uma reunião com o pessoal da comunicação e a área técnica.
Começei a reunião dizendo que estou cansada de ser pata, doravante quero ser galinha!!!
Já notaram que a pata bota um ovo ENOOORRRMMEEEE e fica quietinha no seu canto!
Por outro lado, a galinha bota um ovinho e sai gritando pelo galinheiro COCORICOOO COCORIIIICOOOO CO COCO COCO COOOOCOOOORIIIICOOOO!
Pois é! já falei que doravante vamos ser um grande galinheiro, vamos botar a boca no trombone por tudo o que nos fazemos…
Surdos, Indios, saude mental, certificação da produção, oficinas, treinamentos, emprestimos, doações, prostitutas, traficantes (atuais e ex), egressos, artesão, feiras, exportação, etc etc etc etc.
Imprensa! Nos aguarde! Cada dia terão uma noticia nova!
CO COCO COCOCOCOCO COCORICOOO


BANCO ITAU-UNIBANCO

6 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Acho que nunca vou poder agradecer ao Banco Itau-Unibanco, o que ele vem fazendo pelo Banco do Povo.
Como já comentei anteriormente, por uma questão de gestão fraudulenta do antigo gerente financeiro e sua esposa, o banco entrou numa crise financeira que esta dificil de sair…
Primeiro foi conseguir juntar as informações confiáveis, pois elas não existiam (era um total descontrole, pois eles tinham justamente esta intenção).
Depois tivemos que mudar o sistema e na migração, somente agora em julho/agosto que tivemos a certeza de que as informações estavam corretas.
Neste meio tempo, apesar de termos conseguido baixar o endividamento X carteira em quase R$ 1 milhão, ficamos com um sério problema de honrar os compromissos financeiros.
Acho que qualquer um teria nos abandonado à própria sorte e cobrado a dívida.
Mas não, o Itau-Unibanco ficou (e esta), todo tempo junto, nos ajudando no que for possível para conseguirmos recuperar.
A Ines, Maria José, Andre, Ronaldo, Denise e Paula não nos abandonaram um minuto sequer e continuam firmes, tentando e torcendo para que saiamos da crise.
Como não tínhamos a informação confiável, nem podíamos buscar soluções, pois como chegar numa instituição financeira e eles perguntarem os dados contábeis e nos respondessemos que esta “mais ou menos” assim…Isto não existia…
Agora já temos e estamos partindo para buscar a solução definitiva…
Itau-Unibanco, podem preparar para ter o Banco do Povo, como um case de sucesso e de como um banco formal, pode apoiar uma instituição de microcrédito com uma grande credibilidade frente ao mercado, mas uma enorme dificuldade, mas mesmo assim, com a ajuda de voces, neste dois anos milhares de pessoas conseguiram ter acesso ao financiamento e gerar outros milhares de empregos.
Parabens e obrigada.


SURDOS

3 de dezembro de 2009
2 Comentários

Ontem quase tive um troço com uma reunião que tive com a Claudinha, Rodrigo e Marcus.
Rodrigo e Marcus são surdos e eles participaram de um treinamento em empreendedorismo na linguagem de libras (linguagem das mãos) para 17 surdos que moram em Belo Horizonte.
O treinamento foi facilitado pelo Rodrigo, que foi treinado por nós na metodologia CEFE e hoje treina centenas de surdos utilizando metodologia participativa com oficinas de criatividade, criação de novos negócios, planejamento, liderança, enfim, tudo aquilo que nós ouvintes temos a nossa disposição, nos disponibilizamos também para os surdos esperando assim quebrar o paradigma de que surdo somente pode ter trabalho em gráficas, computação e outros mais que exigem somente atenção.
O treinamento foi apresentado na CEFERENCIA (Conferência Latinoamericana de Empreenedorismo) que realizamos junto a Feira Nacional de Artesanato e foi filmado.
Na reunião de ontem a Claudinha queria mostrar para eles o filme no seu computador. Colocou o filme para rodar e foi ficando brava: POXA, NÃO SAIU O SOM! ESTA PORCARIA DE COMPUTADOR NUNCA FUNCIONA DIREITO! OLHA, ESTA NO MÁXIMO…DEVE TER ESTRAGADO O ALTO FALANTE! E eu fui ficando nervosa e tentava mostrar para ela, de forma despistada de que realmente o treinamento não ia ter som, afinal todos os participantes e facilitador eram SURDOS MUDOS, ou seja, ninguém falava, por isto não existia nenhum som a ser mostrado.
Ela custou a entender…
Complemento feito hoje…Claudinha lendo a bobagem que ela fez, me lembrou que mesmo que tivesse som, não ia adiantar nada…pois como eu disse, eles eram SURDOS MUDOS!


MINHA MANGUEIRA…

2 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

No final da Feira Nacional, já é tradicional a apresentação da Estação Primeira de Mangueira.
Por ser 20 anos de feira, o pessoal resolveu fazer uma homenagem…
Me entregaram uma placa comemorando os 20 anos e a Doris (uma cantora mineira, maraaavilhooosaaa), entrou no final cantando o hino do Centro Cape e eu que já tinha tomado umas cervejas, cantei também junto com ela e com a bateria da Mangueira.
Foi maravilhoso…pelo menos eu achei!
Para quem não conhece, o Hino do Centro Cape aqui vai…
VIVER…E NÃO TER A VERGONHA DE SER FELIZ…
CANTAR E CANTAR E CANTAR A BELEZA DE SER UM ETERNO APRENDIZ…
EU SEI, MAS EU SEI, QUE A VIDA DEVIA SER BEM MELHOR, E SERÁ!
MAS ISTO NÃO IMPEDE QUE EU REPITA…É BONITA…É BONITA E É BONITA…
É isto aí…


XX FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO – CARBONO ZERO

1 de dezembro de 2009
2 Comentários

Desde 2006, a Feira Nacional de Artesanato trabalha com o RESIDUO ZERO.
Ou seja, tudo o que é usado na Feira é reaproveitado…
Os banners viram sacolas
O carpete vira bolsa
As latinhas, garrafas pet, pratos e copos, são doados a catadores de papel
A cenografia é doada as escolas de samba de BH, os tecidos viram lencois e assim por diante.
So jogamos fora o pó…
Este ano resolvemos encarar o CARBONO ZERO, ou seja, medir o que emitimos de carbono e plantar árvores para neutralizar.
Contratamos uma empresa de São Paulo, credenciada pela SOS Mata Atlantica e esta chegou a conclusão que a Feira emitia 33 toneladas de carbono…pensei…to “fu”. Vou ter que plantar uma Amazonia.
Não é que segundo os cálculos deles, precisávamos plantar somente 132 árvores…
Aí quando começei a comentar com as outras pessoas, teve gente que falou “poxa, voce roubou nas contas…este número é insignificante.
Começei até a ficar frustrada, pois eu achei que eram milhares de árvores…
Ai, meu amigo e Conselheiro do Centro Cape, Mário Mantovani – Diretor de SOS Mata Atlantica falou: Tânia é justamente isto! As pessoas tem a sensação que tem que fazer muito e aí não fazem nada…divulgue e mostre que se cada um fizer um pouquinho, nossos netos e bisnetos terão uma chance maior de sobrevivência.
Assim, consegui com o IEF 132 mudas…fizemos alguns banners informando o que era e entregamos para o Governador Aecio Neves uma muda que ele vai plantar nas Mangabeiras e disse que doravante vai determinar que todo evento do Expominas, seja CARBONO ZERO.
Para finalizar, estamos ganhando um certificado de KYOTO, informando que a XXI FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO FOI O PRIMEIRO EVENTO BRASILEIRO CARBONO ZERO.
O Mario Mantovani esta apresentando o nosso case agora em Kopenhagen de como o artesanato em Minas Gerais tem um visão de futuro muito maior do que muitos empresários brasileiros…


EU VOLTEI…AGORA PRA FICAR…POR QUE AQUI…AQUI É MEU LUGAR!

1 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Gente…sumi, né…
Mas como diz a letra da musica…eu voltei…agora pra ficar…por que aqui, aqui é meu lugar…
É que não estou numa fase muito boa para continuar ser Poliana, mas também…ninguém guenta ser Poliana o tempo todo…
To numa fase repensando tudo o que tem sido a minha vida nos últimos tempos…ta bom que é a vida que eu criei, mas tudo tem um limite…
A alguns tempos atras eu era briguenta, peitava todo mundo, xingava não interessava a quem…com o tempo, fui vendo que muitas pessoas começaram a pegar pesado comigo então achei que tinha que ficar mais light.
O que aconteceu…os que eram contra mim, continuaram contra mim, mas os novos que chegaram, como eu não me impunha, passaram a desprezar, pois para a grande parte das pessoas, quem trabalha com artesanato é hippie, irresponsável, não merece ser levado em consideração.
A seguir, vou postar algumas coisas muito boas, mas algumas bem ruins…não se preocupem, ainda continuo um pouco Poliana, mas uma Poliana adolescente que tem momentos de revoltas…