EU JURO, by Tânia Machado

PROJETO GARAGEM…

29 de julho de 2016
Deixe um comentário

Meu Deus! Como a gente acumula coisa quando tem espaço!!!

To horrorizada e até envergonhada como eu que ajudo ao artesão a aplicar o 5S na sua oficina sou capaz de ter guardado tanta coisa…

Componentes eletrônicos que não funcionam mais,mas pode interessar para quem trabalha com conserto de computadores ou mesmo curiosos – acho que encheria uma caminhonete.

Agora, os produtos artesanais, dá até dó, mas como projeto GARAGEM é pra vender barato mesmo para as pessoas carregarem, tem produto que se fosse vendido a preço real seria de mais de R$ 500,00, sendo vendido por 50,00.

Os computadores que funcionam (ainda restam alguns), foi só falar já vendemos mais de 10 e ainda tem outros que vão entrar na roda antes da gente mudar.

Quem precisa de 3 geladeiras e 3 frigo bar? So se for para colaborar com a Cemig pagando uma conta alta de eletricidade!!!

Olha, esta é uma primeira leva…depois vai vir muito mais coisas…

 

 


MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

29 de abril de 2014
1 Comentário

Como muita gente suspeitava, começaram a aparecer as “surpresinhas” . A novidade agora é que os MEI das áreas de prestação de serviços – consultores por exemplo terão que recolher o INSS do “empregado” e do “empregador”, ou seja, o dono no MEI tem que pagar 11% sobre o valor da Nota Fiscal e o contratante outros 20%.
Cade o beneficio da formalização como MEI?
E não se assustem se daqui a pouco aparecerem outras “surpresinhas” para os outros segmentos do MEI.
Como disse, se não me engano, o Helio Gaspari há muito tempo “Plante que o João garante, mas plante pouco porque o João é louco”


CENTRO DE ARTE PÓPULAR

24 de julho de 2012
1 Comentário

Hoje foi inaugurado o Centro de Arte Popular…Lá na Gonçalves dias com Bias Fortes…
Há uns 4 anos atras quando eu e Mamélia fomos lá ver as ruinas do hospital São Tarcisio, a Mamelia foi olhando a casa e dizendo…aqui ficaria bom isto…alí ficaria bom aquilo…e a unica coisa que pedi foi…olha, neste quintal voces bem que poderiam deixar ao lado do café uma varanda, assim quando eu vier aqui posso fumar sem ter que ir para a rua…
Não é que hoje a varanda estava lá! Lógico que fui lá fumar um cigarrinho…era o terceiro do dia…


Publicado em Artesanato

EL CORTE INGLES

12 de janeiro de 2012
Deixe um comentário

Terminamos esta semana de embalar os pedidos do el corte ingles…
Dimensionamos o tempo errado e o Centro Cape virou uma loucura…
Foram 45.000 itens que recebemos dos artesãos.
Assim, tivemos que
Desembalar 45.000 produtos
Etiquetar 45.000 produtos
Reembalar 45.000 produtos
Fazer 45.000 caixas
Colocar 45.000 produtos nas caixas
Colocar as 45.000 caixas em caixas coletivas, que deram quase 3.000
Parece fácil né…
Se quantificarmos que gastamos cerca de uma média de 5 minutos por produto, foram 3.750 horas…
Considerando que trabalhamos uma média de 10 horas por dia, isto dá 375 dias de trabalho, se fosse uma pessoa…
Considerando que iniciamos o trabalho depois do dia 13 de dezembro e no meio teve Natal e Reveion, tivemos so 25 dias (considerando os sábados).
considerando que o setor de expedição tem 6 funcionários…não teve outro jeito a não ser convocar toda a casa e todo mundo para desembalar, etiquetar, reembalar os produtos…
Hoje como estamos nos preparando para as feiras na Europa temos falado o seguinte: se lá, chegar alguem e dizer – queremos comprar 1 milhão de dólares…uma vai olhar pra outra e dizer: VAMOS CORRER!!!


ufa!!!

12 de janeiro de 2012
Deixe um comentário

Tinha prometido que não ia falar coisas ruins no meu blog, mas acho que não vai dar…
Nos que dependemos de patrocinios para sobreviver e realizar nossos projetos temos que aguentar cada uma que vou te contar…
Meu sonho (e acho que de alguns milhões de pessoas, rsrsrs) é ganhar na mega sena…Se ganhar 30% vou doar para o Centro Cape para ver se tenho paz para tocar meus projetos sem depender de terceiros.
Tem cada exigência que as pessoas que tem o “poder da caneta” fazem que vou te cntar…
Voce dobra as contrapartidas, faz muito mais do que prometeu, mas são insaciaveis…
A Feira Nacional encerrou há quase dois meses e ainda estou lutando para que patrocinadores paguem os seus valores.


Publicado em FEIRA NACIONAL

centro cape /maos de minas

23 de março de 2011
Deixe um comentário

Engraçado como tem gente dita esclarecida que até hoje confunde, centrocapemaosdeminastaniamachado.

Eles tratam como se tudo fosse uma coisa so…

Então vamos lá esclarecer:

MÃOS DE MINAS É UMA ASSOCIAÇÃO QUE TEM ASSOCIADOS
Estes associados é quem comandam a associaçao e determinam seus caminhos…

CENTRO CAPE É UM INSTITUTO que tem um conselho e não tem associados. Os associados da Mãos de Minas não tem nada a ver com o Centro Cape, assim como o conselho do Centro Cape nao tem nada a ver com a Mãos de Minas.

Agora, eu sou eu, não sou Centro Cape e nem sou Mãos de Minas, somente uma pessoa que tem vida pessoal, toma cerveja e vinho (Centro Cape e Mãos de Minas não bebem), fuma (eles também não fumam), xinga muito (eles também não xingam), mas tenho um projeto de vida que é ajudar aos artesãos mineiros a sair do buraco…

Pior, é que quem fala isto, muitas vezes são pessoas esclarecidas, até vereadores e deputados que ajudamos a eleger e de repente falam que a Mãos de Minas acabou e agora é tudo Centro Cape…


BARACK OBAMA

23 de março de 2011
Deixe um comentário

Obama não esteve em Minas, mas foi daqui que levou pros EEUU um pedacinho…

A Central Maos de Minas, Centro Cape, Apex e Fiemg ofereceram a Presidenta Dilma um produto artesanal feito com madeira de poda legal da Prefeitura de Belo Horizonte que era uma bola de madeira, feita de abacateiro, onde tinha um mapa do Brasil que desencaixado, mostrava tres gavetinhas que funcionam como porta joias.

Quem fez o produto foi o Eduardo Eleuterio que trabalha com peças de encaixe e estará agora começando a exportar para os EEUU.

São aquelas coisas que acontecem aqui e que todo o tempo temos que agradecer a Deus, Buda, Oxoxi, Maomé, Alá, Jesus, Nossa Senhora e todos aqueles que nos cercam com energia positiva…

Estávamos discutindo outro assunto com o pessoal do Cerimonial da Presidencia e ele tinham comentado conosco se havia algum presente que poderia ser dado para o Obama e dissemos que não tinhamos nada em mente naquele momento…

Passados alguns dias, o Eduardo veio ao Centro Cape para discutir a exportação de suas peças para os EEUU e trouxe uma bola de madeira com a bandeira do Brasil. Na hora que vi aquilo, pensei: tai o presente do Obama.

Mandei imediatamente para o Cerimonial que apresentou a Presidenta que imediatamente aprovou como sendo o presente oficial do governo.

Ele então teve que fazer correndo outra peça, onde uma das gavetas tinha a bandeira do Brasil e esta peça tinha que estar nas mãos do Itamarati até sexta feira à noite…

Ela ia ficar pronta somente as 14:00 horas e então pedimos ao Presidente da Fiemg – Olavo Machado que levasse em mãos e entregasse para a Presidencia…

Apesar do improviso, da pressa, de tudo em cima da hora, no final deu tudo certo!!!!


SÃO FRANCISCO

1 de janeiro de 2011
1 Comentário

Faço coleção de Sao Francisco há alguns anos…
Devo ter uns 100 de todas as materias primas, todos os tamanhos, uns lindos, outros feios, mas faz parte…
Este ano a Feira Nacional terá como tema o São Francisco – o rio e o santo…
Nunca tinha estudado profundamente sobre os dois…
Se amava São Francisco – o santo, agora amo mais ainda…
Voces sabiam que São Francisco foi o maior “galinha”, até os 24 anos?
Pois é…todas as festas de embalo que aconteciam em Assis – Italia ele tava dentro…
Era milionário…depois começou a ter algumas visões e resolveu dar uma guinada na sua vida e viver da pobreza e servir aos outros…
Voces sabiam que São Francisco quem fez o primeiro presépio e iniciou este costume que temos até hoje?
Acho que vai ser super interessante contar um pouco da história dele que pouca gente conhece.
Agora, quando ao Rio São Francisco, tenho achado coisas interessantes e tenho estudado sobre a transposição escutando os dois lados – os a favor e os contra…Por enquanto os contra estão ganhando…
Deixa eu acabar a pesquisa que informo, os dois lados.


DOCE ILUSÃO II

30 de dezembro de 2010
Deixe um comentário

Eu como sempre, sou passional e as vezes na ânsia de dar uma noticia, misturo o coração no meio da razão.

Verdades sobre a interrupção da loja Mãos de Minas

1) A loja não vai fechar, vai interromper por pouco tempo as atividades e será reinaugurada em fevereiro em endereço eletrônico.

2) Apesar de aparentemente o consumidor perder a oportunidade de tocar os produtos, terá a chance de conhecer muito mais sem sair de casa. A loja física hoje conta com 4315 itens, na virtual em seis meses devemos chegar a mais de 10.000.

3) Minas Gerais, com a loja virtual, estará acessível e na casa de milhões e milhões de brasileiros, o que hoje com a loja física não é possível.

4) Com a Loja virtual estaremos redirecionando o investimento, e cumprindo a missão da Mãos de Minas que é de apoiar o artesão na sua comercialização, fortalecendo assim as ações de capacitação, consultorias e melhoria de processos.

5) Assim, teremos:
 Uma loja sem fronteiras
 Funcionamento 24 horas
 Comodidade para o consumidor
 Redirecionamento dos investimentos para a capacitação do artesão.
 Menor preço de venda final, já que os custos serão bem menores.

Informações importantes sobre o e-commerce:
– nos últimos cinco anos, o E-commerce cresceu em média 52% por ano.
– Brasil é responsável por 50% das transações de comércio eletrônico na América Latina, segundo a Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico.
– O Natal bateu recorde de venda: 15 de novembro a 24 de dezembro, os consumidores gastaram R$ 2,2 bilhões em compras pela internet. O valor da compra subiu de R$ 10 e ficou, em média, em R$ 370, com notória participação de novos navegantes das classes C e D (E-bit).
– O Brasil é líder na conversão de visitantes em compradores em sites de comércio eletrônico na América Latina. O índice de visitantes de lojas virtuais que fazem compras online é de 94%, mais que na Argentina (89%) e na Colômbia (84%).
(O estudo da comScore entrevistou 800 consumidores no Brasil, México, Chile, Argentina, Colômbia e Peru. Foi divulgado em 1.12.2010 em Bogotá, Colômbia.)
– A internet já é acessada por 41,7% da população acima de dez anos, ou 67,9 milhões de pessoas (Pnad 2009/IBGE).
– O número representa crescimento de 112,9% na comparação com os 31,9 milhões de usuários registrados em 2005 (20,9% da população).

Então, não estamos retroagindo, muito pelo contrário, estamos nos adequando ao mercado atual. Hoje a loja é visitada por cerca de 1.200 pessoas por mes…queremos atingir alguns milhões!

Que venha 2011!!!

Tânia Machado


MEU PRIMEIRO EVENTO

11 de maio de 2010
Deixe um comentário

Temos há dois anos na Feira Nacional de Artesanato um espaço denominado MEU PRIMEIRO EVENTO.

É uma área de 4m2 que era cedida para aquele pessoal de baixo IDH e que nunca participou da Feira Nacional.

Se ele tivessem que comprar a área teriam que pagar R$ 1.460,00, quantia esta praticamente impossivel para quem esta começando…

Como sempre acreditamos que todo mundo pode colaborar um pouco, então eles pagam 10% sobre o que venderem.

Ai, cria-se uma situação absurda! Quando vamos cobrar no final do dia, tem gente que tem a cara de pau de dizer que não vendeu nada! Ai fica, eles mentindo…a gente sabendo que eles estão mentindo…eles sabendo que a gente sabe que eles estão mentindo…enfim, uma hipocrisia sem fundamento.

Então este ano decidimos que no MEU PRIMEIRO EVENTO, nao vai haver gratuidade…Quem for participar vai pagar uma taxa simbólica fixa de R$ 300,00…Assim, se em 6 dias, não vender o correspondente a R$ 500,00/dia, não vale a pena voltar no ano seguinte e nos também paramos de passar raiva de ver aquele monte de gente sonegando…


TO DE VOLTA

4 de maio de 2010
Deixe um comentário

Sumi né!
Acho que foi o trauma dos 60 anos…
Mas já estou me acostumando…Que jeito, né?

Então vamos as noticias boas:

Iniciamos dia 29 um evento no El Corte Ingles de Lisboa e Porto, onde estamos com 200 m2 de exposiçao com venda.
Para quem não sabe, o El Corte Ingles é um dos grandes magazins da Europa e tem mais 200 lojas em Portugal e na Espanha.
Este evento será de grande importância para nosso artesanato, pois afinal estamos tendo a oportunidade de testar nossos produtos com o consumidor final.

Tentei colocar os links onde já saiu publicação sobre nosso evento e não consegui! É o eterno problema de BIOS…


MINAS GERAIS

14 de abril de 2010
Deixe um comentário

Estava aqui pensando no que iria escrever como sugestão para o nosso Governador Anastasia como programa de governo e me dei conta que não precisamos de praticamente nada.
No que diz respeito ao artesanato Minas já tem tudo, realizado nestes ultimos 8 anos.
A única coisa que pedi é fazer uma grande programa de organização setorizada do artesanato, mas dando a oportunidade dos próprios municipios liderarem isto e aí termos em cada um dos 853 municipios, pelo menos uma instituição forte.
Assim facilmente teremos uma instituição estadual também forte, representante de todos os municipios.
Sei que a Mãos de Minas é uma entidade fortissima e super competente, mas ela não pode se eleger representante de todos os 500.000 artesãos do estado. Sua importancia é muito mais de modelo a ser seguido e mostrar que uma entidade pode se organizar e ser auto sustentável.
Agora também não dá para nos (Centro Cape, Sebrae, ADLs, etc) que trabalhamos no desenvolvimento determinar o destino de cada nucleo artesanal do estado. Cada um deve tomar a decisão por si…quando quiser, da forma que quiser…Nos do desenvolvimento podemos é nos colocar a disposição, caso necessitem da nossa ajuda.
Mas tem que ser um projeto bem democrático, onde qualquer um possa ter acesso e não tão somente os poderosos.
Tendo instituições organizadas e fortes, as ferramentas para o crescimento já existem…projetos de tecnologia, legislação tributária, linhas de crédito, etc etc etc.
So falta isto para sermos muito melhores do que já somos… e aí tome folha de arruda, espada de são Jorge, patua, para espantar a inveja…


CRIATIVIDADE X MERCADO

11 de abril de 2010
1 Comentário

Outro dia, estava vendo algumas peças que não foram aprovados no comitê que seleciona os produtos para a loja e me deparei com uma “coisa”, que nunca vi tão feia na minha vida…
Era um abajour, feito de pneu, pintado de verde, com luz verde, decorado de lantejoulas e fuxicos com tecido de nylon, terminados com uma missanga, também verde, cujo pneu ficava em cima de uma lata, coberta com um tecido brilhante (verde) e tinha uma engrenagem que ele rodava…
Acho que nem dava para caracterizar como bizarro…
Evidente que foi negado pelo comitê.
Mas fiquei olhando para “aquilo” e fiquei pensando…O artesão que fez isto, teve o cuidado no acabamento, criatividade na construção (não esta aqui em julgamento, o gosto…). Gastou tinta, paetes, missangas, lantejoulas, fiação, engrenagem ligada a eletrica (tem dois botões, voce pode so ascender, ou ascender e rodar)…
Chamei uma técnica que trabalha conosco e disse que queria ver o que podia fazer por aquele artesão…Acho que ele merece uma consultoria para que use de sua criatividade e capricho para produtos que vão ter aceitação no mercado…
Agora…durma com esta…das 30/40 pessoas que mostrei a peça, tiveram duas que adoraram e pediram para colocar preço, pois queriam comprar para suas casas…


Publicado em maos de minas
Tags:

PESQUISA DA VOX POPULI – 2005 / 2009

9 de abril de 2010
Deixe um comentário

Esta pesquisa é contratada pelo Centro Cape, desde o ano de 2005, com a intenção de medir o impacto do segmento artesanal na economia brasileira.
Ela trabalha com o universo de artesãos que comparecem à Feira Nacional de Artesanato (somente são entrevistados os artesãos – gerentes, coordenadores, apoiadores, vendedores, não são considerados na pesquisa).
Os número apresentados, vem se repetindo ano a ano, e confirmando uma série de tendências que nos mostra que estamos no caminho correto.
• Vejam que, o universo artesanal continua sendo predominantemente feminino, com 74% dos entrevistados.
• A idade média esta acima dos 40 anos
• 41% tem o ensino médio e 39% superior, somente 19% tem até a 8ª. Série
• Artigos utilitários continuam sendo a maior opção de produção, vindo os de decoração em segundo lugar.
• Agora, super interessante é onde adquirem a matéria prima, pois se considerarmos que no Brasil existem 8,5 milhões de artesãos, que tem um faturamento médio de um salário mínimo, chegamos a um faturamento bruto nacional de R$ 52 bilhões/ano.
Segundo a pesquisa, 47% do custo é matéria prima, teremos a significativa quantia de R$ 24 bilhões que o segmento artesanal adquire da indústria por ano. Textil vem em primeiro lugar com 15% deste bolo (R$ 3,6 bilhões), material para acabamento em segundo com 14% (R$ 3,4 bilhões), metais em terceiro com 10,5% (R$ 2,5 bilhões).
• De 2008 para 2009, o artesão aumentou o seu faturamento em quase 30%. Isto demonstra o quanto esta preocupado com custos e organização da produção, já que o custo de matéria prima de 2008 para 2009 reduziu de 59% para 47%.
• O artesão continua empregando em média 5 pessoas, se compararmos 2008 com 2009, sendo que a maioria são parentes.
• Um número não muito favorável, foi que houve uma diminuição de artesãos que exportam em 10% (em 2008 eram 23% e 2009 reduziram para 13%). Isto, apesar de não ter sido sentido na Mãos de Minas, pode ser um reflexo nacional da crise do final de 2008 que impactou em 2009. O valor exportado por artesão, continuou o mesmo.
• O artesão associado a alguma instituição fatura menos do que um artesão individual, com exceção do associado à Mãos de Minas que tem um faturamento superior aos outros.

A pesquisa na integra, estará publicada no site do Centro Cape (www.centrocape.org.br)a partir de 12 de abril. Se voce quiser receber uma cópia, pode nos pedir que enviaremos via internet (2MB).


LATINIDADE

21 de março de 2010
Deixe um comentário

Latinidade…
Este é o mote da Feira Nacional de Artesanato deste ano…
Ufa!!! me livrei de um boa…
Em 2007, o Embaixador da Argentina nos procurou e pediu que fizéssemos uma feira em homenagem aos 200 anos de libertação da Argentina…
Disse a ele que nos ano seguinte (2008) seria o Japão, de forma que não poderia e em 2009 seria o Brasil, por ser 20 anos de feira…
Ele disse então…não tem problema, pois os 200 anos de libertação serão em 2010 e aí a gente faz a homenagem…
Falei então que estava ok e nem lembrei que 2010 era ano de Copa do Mundo…
Quando cai na real fiquei na maior saia justa…
Imagina a cena: ano de Copa do Mundo…ou o Brasil bate na Argentina ou a Argentina bate no Brasil e nos homenageamos a Argentina…
Ia ser um caos…
Graças a Deus o Embaixador nunca mais me procurou…
Mas gostamos de tema Latinidade…assim vamos homenagear os 21 países da América Latina.


BLOG ARTESANATO DO SEBRAE NACIONAL

21 de março de 2010
1 Comentário

Parabens Mauricio, Durcelice pelo blog do Sebrae de Artesanato.
Faltava isto no país…
Alguem que sitematizasse milhares de boas ideias e informações sobre o artesanato brasileiro…
Se voce gosta de artesanato, se cadastre lá e não deixe de acompanhar as publicações diárias…
artesanatosebrae.blogspot.com


ESPUMA EXPANSIVA

19 de dezembro de 2009
3 Comentários

Há quase um ano namoravamos uma máquina de espuma expansiva para a embalagem de produtos.
As máquinas para fabricar caixas, o Governador Aecio Neves nos deu e já estamos fazendo nossas proprias caixas, mas faltava o miolo para embalar.
Cada produto que seria exportado principalmente, gastava-se de 5 a 10 minutos para ficar pronto. tinha que cortar isopor para forrar a caixa, embalar muito bem o produto em plástico bolha, calçar todos os cantinhos da caixa com papel picado, restos de isopor, enfim uma série de materiais que estavam à mão…
Quando a carga caia na malha fina da Receita Federal (tanto fazia ser aqui ou nos EEUU ou Europa), era a certeza de que os produtos iam chegar danificados no cliente, pois a Receita, ao abrir as caixas não tinha o mesmo cuidado que nós ao reembala-las.
Agora é a GLORIA! A espuma faz uma “molde” do produto, protegido por um plastico filme, e quando a Receita for abrir, além de ficar mais fácil a fiscalização, é só colocar no lugar direitinho que ta tudo uma beleza…
O tempo de embalagem de cada peça passou de 10 minutos para 3 minutos…
Vamos medir agora o custo, pois vamos economizar além de tempo, temos o isopor que não mais será usado, papel picado que será drasticamente reduzido, assim como o plástico bolha.
A espuma não é barata, mas acho que vai compensar considerando tempo, material, e integridade das peças.
Além do mais, a espuma é ecologicamente correta.


Publicado em Artesanato

STANDS 10%

16 de dezembro de 2009
Deixe um comentário

Todos sabem que na Feira Nacional distribuimos mais de 100 stands para pessoas e projetos que teriam dificuldade de participar. Dentre eles, estão projetos sociais que todo ano ganham stands e tem aqueles (+- uns 100) que por nunca terem participado da feira tem a chance de entrarem no risco, pagando 10% sobre as vendas. Estes entram uma vez e não podem voltar gratuitamente, so comprando stand.
Este ano, quando lançamos a venda para 2010, levamos a listagem dos stands com 10% e anotado o percentual de quanto cada um tinha declarado de venda nos tres primeiros dias da feira.
Tem gente que é cara de pau! Umas cinco ou seis pessoas ficaram na fila para comprar stands de até 9m2 (que custa cerca de R$ 3,000,00) e no pagamento dos 10% tinham declarado ter vendido nos tres dias R$ 30,00, R$ 50,00 ou R$ 100,00.
Quando negamos vender para elas o stand, elas se assustaram e informamos: olha nosso papel é defender o artesão! e para isto temos às vezes de protege-lo de entrar numa enrascada. Esta feira não é para voce e não podemos permitir que voce assuma uma despesa de R$ 3.000,00 quando voce so vendeu isto nos ultimos dias.
Eles ficavam na maior falta de graça pois não podiam questionar os números que eles mesmo haviam apresentado!


Publicado em FEIRA NACIONAL

XX FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO – CARBONO ZERO

1 de dezembro de 2009
2 Comentários

Desde 2006, a Feira Nacional de Artesanato trabalha com o RESIDUO ZERO.
Ou seja, tudo o que é usado na Feira é reaproveitado…
Os banners viram sacolas
O carpete vira bolsa
As latinhas, garrafas pet, pratos e copos, são doados a catadores de papel
A cenografia é doada as escolas de samba de BH, os tecidos viram lencois e assim por diante.
So jogamos fora o pó…
Este ano resolvemos encarar o CARBONO ZERO, ou seja, medir o que emitimos de carbono e plantar árvores para neutralizar.
Contratamos uma empresa de São Paulo, credenciada pela SOS Mata Atlantica e esta chegou a conclusão que a Feira emitia 33 toneladas de carbono…pensei…to “fu”. Vou ter que plantar uma Amazonia.
Não é que segundo os cálculos deles, precisávamos plantar somente 132 árvores…
Aí quando começei a comentar com as outras pessoas, teve gente que falou “poxa, voce roubou nas contas…este número é insignificante.
Começei até a ficar frustrada, pois eu achei que eram milhares de árvores…
Ai, meu amigo e Conselheiro do Centro Cape, Mário Mantovani – Diretor de SOS Mata Atlantica falou: Tânia é justamente isto! As pessoas tem a sensação que tem que fazer muito e aí não fazem nada…divulgue e mostre que se cada um fizer um pouquinho, nossos netos e bisnetos terão uma chance maior de sobrevivência.
Assim, consegui com o IEF 132 mudas…fizemos alguns banners informando o que era e entregamos para o Governador Aecio Neves uma muda que ele vai plantar nas Mangabeiras e disse que doravante vai determinar que todo evento do Expominas, seja CARBONO ZERO.
Para finalizar, estamos ganhando um certificado de KYOTO, informando que a XXI FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO FOI O PRIMEIRO EVENTO BRASILEIRO CARBONO ZERO.
O Mario Mantovani esta apresentando o nosso case agora em Kopenhagen de como o artesanato em Minas Gerais tem um visão de futuro muito maior do que muitos empresários brasileiros…


Historico da feira Nacional

30 de setembro de 2009
Deixe um comentário

Este ano estamos fazendo vinte anos de Feira Nacional e lançando o Salão do Artesanato.
Fico lembrando a primeira feira em 1989 que loucura que foi…
Primeiro eu via a Unilar e achava que as coisas aconteciam naturalmente…Via aquelas filas enormes das pessoas para entrarem no Minas Centro, pagando… e achava que se eu fizesse uma feira ia ser assim também…Acho engraçado, pois vejo outras pessoas hoje, pensando igual eu pensava…As pessoas veem a FNA com aquela multidão e lançam também um feira achando que vai ser igual…Não é bem assim. Um evento para “pegar”, demora alguns anos.
Mas voltando a 1989, a gente pagou passagem, hospedagem e alimentação para todos os expositores de fora…eles tinham que dar de contrapartida 10% sobre as vendas. Foi uma sonegação geral…Ninguém pagava e sonegava até quando eu ia comprar…me falavam na maior cara de pau. Olha não vou emitir a notinha não tá? Assim eu não pago os 10%.
A gente tinha um computador que teoricamente era para controlar as vendas…ele ficava fazendo aquele barulhinho da impressora o tempo todo: prrrriiiissspriiiisssspriiiisss, mas era so barulho. Não conseguíamos ter controle de nada…
Nossa mídia, além a que o Ives Alves da Globo deu de graça, eram umas faixas na rua que a gente olhava encantada achando simplesmente o máximo…Rádio, Out door, bus door, folhetos? Que bobagem…servem pra quê?
Fizemos 100.000 ingressos, pois se a Unilar tinha 100.000 visitantes, porque não a Feira Nacional…RSRSRSRS…não vendeu nem 5.000 (lembro que cheguei a cogitar com a Policia Militar apoio para recolher o dinheiro da bilheteria, pois pelos nossos cálculos ia ser muito).
Agora buscando o histórico das feiras passadas, temos fotos de todas – menos da 1a. Feira Nacional… nem pensavamos que íamos precisar futuramente…
Serviço médico? Neeeiiimm! Secretaria de Atendimento????Prá quê? Segurança? Tínhamos se não me engano uns tres homens…hoje trabalhamos com mais de 80. Placa na frente do Minascentro? Pra quê? todo mundo sabe onde é????
Hoje vejo o quanto a gente foi corajosa e irresponsável ao mesmo tempo…Ainda bem que Deus, Buda, Oxossi, Ala, e tantos outros poderosos do universo estavam conosco para que sobrevivessemos e hoje estivessemos comemorando vinte anos de feira!


SALÃO DO ARTESANATO

16 de setembro de 2009
Deixe um comentário

Estamos a menos de tres semanas do Salão…
Ela vai acontecer na Serraria Souza Pinto, com 200 artesãos que tem potencial para a venda no atacado…
Para participar, o artesão teve que ter a indicação positiva de pelo menos 3 lojistas…
Como é o primeiro evento, a ansiedade é muito grande, pois temos compromissos com todos os públicos:
com os artesãos expositores que tem o objetivo de vender muito…
com os lojistas visitantes, que além de serem muitos, devem encontrar produtos que atendam a sua expectativas…
com os compradores internacionais que devem voltar para seus paises, encantados com o nosso artesanato e com milhares, senão milhões de dólares e euros em pedidos…
com as tradings, que tem a expectativa de atender aos compradores internacionais e também buscar produtos para seus clientes na Europa e EEUU que não puderam vir a Feira…
Se der certo…entra oficialmente na agenda de eventos…Se der errado…putz!
Mas acho que tem tudo para dar certo…
Quinze compradores internacionais e outros quinze nacionais que são nossos convidados já estão com a passagem na mão e malas prontas para estar aqui dias 9 a 11.
Vamos ter jantar a café da manhã com estes compradores e os artesãos, numa forma de “quebrar o gelo” nos relacionamentos.
Aguardem dia 12 de outubro quando com certeza darei noticias dos excelentes resultados!


Publicado em Artesanato

CARBONO ZERO

12 de setembro de 2009
1 Comentário

Na XX Feira Nacional de Artesanato neste ano, vamos estar tentando trabalhar o Carbono Zero.
Para isto estaremos distribuindo 20.000 mudas de árvores.
Conversando com o pessoal da SOS Mata Atlantica – projetos Redes das Aguas e Florestas do Futuro, eles me instruiram que ao invés de “dar” as mudas para as pessoas, nos é que deveríamos plantar as árvores em locais pre determinados. Vamos ver como fazer…mas o importante é a conscientização do carbono que geramos e precisamos compensar…
Vejam lá…são 180.000 pessoas…destas, pelo menos 8.000 vem de fora do Estado, 15.000 fora de Belo Horizonte…muitas vem de avião…muitas de onibus…muitas de carro…temos um ar condicionado que gasta nem sei quanto de Kw/hora…são numeros que assustam…
Já temos o resíduo zero com o reaproveitamento dos carpetes, banners, papelão, plásticos, madeiras e tecidos.
Agora so fica faltando os copinhos de plástico que ainda não encontramos a solução.
Se alguem souber o que fazemos com 200.000 copos de plástico leitoso e transparentes, estamos aceitando sugestões…


BOMBANDO EM NEW YORK!

15 de agosto de 2009
1 Comentário

Enquanto as manchetes dos jornais dizem que o mercado americano esta em crise, nos do artesanato em Minas não temos o que reclamar…
Estamos aqui desde terça feira, dia 11 para preparar dois eventos:
Participaçao na Gift Fair que acontece duas vezes por ano e fazer um projeto vendedor em nosso show room que temos em NY.
A ansiedade era grande, pois os jornais ficam falando todo o dia em crise, crise e crise…
Em janeiro, passamos pelo mesmo e a feira foi boa.
Olha…se estão em crise, quero que continuem por muito tempo…Nunca vendemos tanto e nosso evento no Javits nunca teve uma participaçao tão grande.
Para se ter uma noçao, so de caipirinha foram servidas 450 doses, fora guaraná, agua de coco, sucos, etc.
Musica brasileira – bossa nova, gente do mundo todo…hoje recebemos canadenses, turcos, alemães, franceses e centenas de americanos.
Foram mais de 2.000 itens vendidos só no primeiro dia do evento…e olha que ainda faltam 4 dias…
Não tive nem tempo de ir as compras…
Espero que esteja viva e bem na quinta para ir a um teatro, um bom restaurante ou mesmo bater perna no Time Square, que adoro, pois chego no hotel a noite, completamente moooorrrrrtaaaaa…


Publicado em Artesanato

BLOG DO ARTESANATO DO SEBRAE

12 de agosto de 2009
1 Comentário

Olha, o Sebrae Nacional criou um blog do artesanato que esta super interessante…Todo dia o Mauricio, um dos coordenadores coloca uma novidade. Já descobri livros fantásticos, projetos e informações super uteis para que labuta na área artesanal ou mesmo tem curiosidades.
O endereço é: http://sebraeartesanato.blogsot.com


Publicado em Artesanato

ROGERIO SENA

28 de junho de 2009
Deixe um comentário

Vi hoje com muito orgulho, a reportagem com o Rogério Sena no caderno Cultura do Estado de Minas, informando que ele ganhou o prêmio maior em Piracicaba de artista primitivo.
Rogério começou suas primeiras exposições na Feira Nacional de Artesanato, se não me engano de 1999 ou 2000.
Ele apresentava seus trabalhos através do Centro Arthur Bispo e sempre tive o maior respeito por ele, apesar de muitos o olharem como doido ou louco, por ele já ter sido internado muitas vezes.
Ele sempre disse que gostava muito do Centro Cape e Mãos de Minas, pois lá todos o tratavam como uma pessoa normal e não como um doido. Eu brinco sempre com ele, pois muitas pessoas às vezes também me taxam como doida e louca e eu digo que nos, loucos, somos muito mais sinceros e despojados. quando alguém me diz: Tânia, voce é muito doida! Eu respondo, sim…mas não se preocupe, que tomo remédio controlado todo os dias…
So fico muito brava com ele, quando ele chega “cachaçado”. Se noto que tomou cachaça, me recuso a conversar com ele…ele pede desculpas e fala que tinha bebido “so um pouquinho”.
A lógica deles me encanta…na Feira Nacional, quando o pessoal da saude mental chega (normalmente, hoje apoiamos uns cinco ou seis movimentos com stands gratuítos), os seguranças das roletas já sabem que não podem recolher os convites, pois quando tentam fazer, todos respondem: não, não vou dar este convite, pois ele é meu…foi dona Tânia que me deu…Não é obvio? Se dei o convite para ele, por que o segurança tem que pegar!
Agora, a reportagem fala muito de preconceito…e achei engraçado foi o marchant que o descobriu “num evento no Minascentro…”. Poxa senhor marchant! poderia ter dito, na Feira Nacional de Artesanato no Minascentro! Tem muita gente ligada a arte que tem vergonha de dizer que frequenta feira de artesanato, pois poderá parecer que não esta indo nos melhores salões de cultura…Olha, a Feira Nacional de Artesanato já propiciou que centenas de artistas tipo o Rogério tivessem a possibilidade de serem descobertos no mercado das artes. Veja o caso da Nene Cavalcanti da Paraiba. A primeira feira que ela participou, parecia um bicho do mato! No ano passado fiquei impressionada com os cuidados que ela tem agora com sua pessoa, depois que descoberta a beleza de suas peças, hoje ela tem produtos espalhados pelo cinco continentes…
Leonardo Bueno é outro caso que começou num pedacinho de chão em 2004 e hoje é artista renomado e de respeito.
Parabens Rogério, voce merece! E continue a ser esta pessoa sensivel e observadora que voce sempre foi.


Próxima Página »